Segunda, 20 de Setembro de 2021
43999564777
Dólar comercial R$ 5,33 0%
Euro R$ 6,25 0%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.083%
Bitcoin R$ 268.345,09 +2.269%
Bovespa 108.843,74 pontos -2.33%
Economia Agricultura

SECA ATRASA O PLANTIO DE SOJA NO PARANÁ

A germinação foi drasticamente afetada.

01/11/2020 15h06
358
Por: Jomar Medeiros Fonte: Da Redação
SECA ATRASA O PLANTIO DE SOJA NO PARANÁ

A estiagem tem impactado na semeadura da safra de soja no ciclo 2020/2021 no Paraná. Apenas 8% da área de 5,54 milhões de hectares estimados (430 mil hectares) foi cultivada até o momento (dados obtidos pelo DERAL - Departamento de Economia Rural). Como comparação, nesta época no ciclo 2019/2020 haviam sido plantados 22% da área estimada de soja. Somente o plantio da safra 2010/2011 apresentou uma semeadura mais atrasada nesta época. 

Esse atraso não impacta apenas essa cultura, mas também o cultivo da safrinha do milho, que já terá uma janela menor para a semeadura neste ciclo. 

A escolha do momento da semeadura é fundamental para o sucesso da lavoura. Semear no pó é uma decisão arriscada, que pode comprometer o estabelecimento de seu estande, uma vez que a presença de água no solo é essencial para a germinação. 

 

Semeadura no pó: momento de semear

Iniciar a semeadura logo após o fim do vazio sanitário é ideal para se ter uma janela de plantio para realizar a safrinha na mesma área. Além disso, semear assim que possível auxilia no escalonamento do plantio em grandes áreas.

As sementes são seres vivos, assim, a água é fundamental para realização de diversos processos. A água tem de estar presente desde a germinação até o enchimento de grãos, sendo o principal fator limitante da produção.

Então, o momento ideal de semear é quando a umidade do solo for o suficiente para que as sementes absorvam a quantidade de água suficiente para poderem germinar e emergir.

Ao semear em solo seco, é como se você estivesse armazenando as sementes em condições de pouca umidade, alta temperatura e presença de microrganismos. Se as sementes permanecerem nessa combinação de fatores durante um período superior a 15 dias, a germinação é drasticamente afetada.

O calor e falta de água faz com que as sementes respirem mais e se desenvolvam lentamente, ficando mais expostas ao ataque de pragas e microrganismos do solo. A porcentagem, velocidade e uniformidade de germinação é afetada, podendo ocorrer perdas da produção.

Outro fator bastante importante é a quantidade de chuva após dias de estiagem. Se acaso você semear e ocorrer uma chuva de poucos milímetros, as sementes podem absorver água, entretanto, não será o suficiente para completar a germinação e emergir. Assim, ocorre morte das sementes e, consequen temente, falhas no seu estande.

 

Estratégias para otimizar a semeadura no pó

Apesar de não ser uma técnica recomendável, caso seja extremamente necessário realizar a semeadura em solo seco, o agricultor deve levar em consideração alguns fatores:

Qualidade das sementes

Utilizar sementes com alta porcentagem de germinação e vigor é fundamental. Sementes de alta qualidade suportam por um período maior condições adversas, como a pouca umidade do solo, neste caso. 

Por isso, é muito importante que o produtor utilize sementes certificadas, que possuam qualidade garantida!

Tratamento das sementes

Como o desenvolvimento das sementes é mais lento pela falta de água e alta temperatura do solo, o tratamento com fungicida e inseticida previne o ataque de microrganismos e pragas, que aceleram a deterioração das sementes.

Inoculação

Ao semear no pó, os solos apresentam alta temperatura e pouca umidade, o que reduz, em menos de uma semana, metade do número de células viáveis, ocorrendo prejuízo no fornecimento de nitrogênio para planta.

Proximidade das chuvas

O agricultor não deve fazer semeadura no pó sem ao menos ter uma previsão de chuva para os próximos 10 a 15 dias.

Mesmo com uso de sementes de alta qualidade e tratamento de sementes, a exposição em solo com pouca umidade por um período prolongado reduz a germinação e emergência das plantas.

Sistema de plantio

A palhada no solo no plantio direto tem várias vantagens, como a manutenção da umidade do solo por mais tempo.

Outro ponto positivo desse sistema é maior facilidade de infiltração de água no solo. Consequentemente, as raízes das plântulas emergidas utilizarão a água presente no perfil do solo.

 

Sergio Bam Ferreira
Sobre Sergio Bam Ferreira
PARANÁ NORTE NEGÓCIAS
Cambará - PR
Atualizado às 21h56 - Fonte: Climatempo
30°
Poucas nuvens

Mín. 23° Máx. 38°

29° Sensação
9.6 km/h Vento
29.2% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (21/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 39°

Sol com algumas nuvens
Quarta (22/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Anúncio