12°C 28°C
Cambará, PR
Publicidade

Assembleia rende homenagens aos 83 anos de Roberto Requião

Em um discurso emocionado, Requião Filho enalteceu a figura paterna de Roberto Requião: “Tenho memórias incríveis do meu pai, que muitas vezes abriu mão da família para cuidar da família dos outros, da família dos paranaenses”

07/03/2024 às 13h27
Por: Jomar Medeiros Fonte: DA ASSESSORIA
Compartilhe:
Foto: Eduardo Matysiak
Foto: Eduardo Matysiak

O ex-governador do Paraná Roberto Requião, que completou 83 anos nesta terça-feira, 5 de março, foi homenageado por dezenas de deputados estaduais, que destacaram sua história de vida pública e dedicação ao Paraná, durante a sessão plenária de hoje da Assembleia Legislativa (Alep).

O aniversário do ex-governador foi tema do discurso de Requião Filho, que afirmou que o pai é “um homem com uma história incrível e com muito trabalho prestado ao Paraná” e que “gostem ou não, é uma história que deve ser respeitada e reconhecida”. 

Em uma fala emocionada, que silenciou o plenário e chamou a atenção de todos os deputados, Requião Filho disse que não precisa enaltecer a história política do pai, que é pública, mas gostaria de homenagear a figura paterna. 

“Meu pai faz 83 anos hoje, o avô do Marcelo e do Mateus, casado com a Maristela. O Roberto Requião que vocês não conhecem é um pai que nunca faltou a um aniversário meu, que me carregou ao seu lado aonde quer que fosse. Tenho memórias incríveis do meu pai, que muitas vezes abriu mão da família para cuidar da família dos outros, da família dos paranaenses. Muitos aqui conhecem o quanto um político se desdobra para estar com suas famílias, e é isso que quero lembrar aqui: o esforço do meu pai para se fazer presente na minha vida, na vida da Roberta e da minha mãe”.

O deputado disse que o pai é um “revolucionário por DNA, um cara que me orgulha, que merece todo o reconhecimento do filho e do deputado que eu procuro ser para fazer valer a sua vida de luta”

“Me perguntaram: ‘qual é seu maior medo?’. Eu digo que hoje o maior medo que eu tenho é manchar o nome a história do meu pai. Por isso eu me dedico à vida pública com todo cuidado. Eu aprendi com meu pai a estar presente. Alguns deputados brincam comigo que evento no sábado eu não apareço. E não apareço mesmo. Sábado e domingo são dias dos meus filhos, da minha mulher, dos meus pais, e preservo isso porque aprendi com meu pai”.

Em seguida, dezenas de deputados, de diversos partidos e correntes ideológicas, pediram a palavra para homenagear Roberto Requião.

O deputado Nelson Justus (União Brasil) reconheceu que Requião Filho deve sim ter muito orgulho do pai, pelo que o ex-governador representa para o Paraná. “Eu o conheço há muito tempo e sempre foi um bom amigo. Transmita a ele, em nome de toda minha família, os votos de muita saúde e vida longa, ao polêmico político Roberto Requião, que é um homem de bem. Sempre tive uma ótima relação com ele e desejo que ele possa continuar prestigiando os seus filhos, netos e dando exemplo a eles. Parabéns”.

Para o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD), homenagear os 83 anos do Requião é muito digno e merecido. “É um homem público exemplar. Eu convivi com os últimos governadores e nunca conheci nenhum que tivesse a visão do interesse público como a que tem o Requião. Sei do apreço que seu pai sempre teve com a família, mas saiba que ele não é só seu pai, ele é pai de todos nós! Aprendi muito e sou muito grato a ele. Vida longa a esse grande companheiro”.

Para o deputado professor Lemos (PT), Requião foi o melhor governador que o Paraná já teve. “Foi governador três vezes, Senador duas vezes, fez muito pelo Paraná e fez muito bem. Quero aqui parabenizá-lo pelos 83 anos dedicados à boa causa, à construção de uma sociedade solidária, fraterna e justa. Parabéns”

Para o deputado Moacyr Fadel (PSD), homenagear o Requião é algo que deve ser valorizado pela Assembleia Legislativa do Paraná. “Ele é um ícone na história do Paraná e merece todo nosso reconhecimento. Aprendi fazer política com a família Requião, no velho MDB de guerra, tive o prazer de ser prefeito (de Castro) com ele como governador por dois mandatos. E foi quem me deu a base para ser o político que sou hoje. O Requião merece todo nosso apreço e nosso respeito, pelo símbolo que ele representa ao Estado do Paraná”.

A deputada Marli Paulino(Solidariedade) lembrou que ele sempre a tratou com muito carinho e a chamava de “minha menina”, na cidade de Pinhais. “Tenho uma admiração muito grande por ele e hoje, no dia de seu aniversário, 5 de março, também nasceu minha netinha Ayla. É um dia muito especial. Parabéns ao seu pai”.

O deputado Arilson Chiorato (PT) recordou que sua inspiração na política, quando criança, era a figura do Requião. “Sempre o admirei muito e tive a honra de, nos últimos anos, assinar sua ficha de filiação no meu partido. Ele é, de longe, o melhor governador que o Paraná já teve. Vida longa ao Requião, velho de guerra”.

O deputado Thiago Amaral (PSD) também lembrou o início da caminhada política de seu pai, Durval Amaral, ao lado de Requião. “Começaram a caminhada política juntos, mas depois seguiram caminhos distintos. Meu pai foi líder da oposição no governo do seu, mas só se transformou num grande político inspirado na grandiosidade do Requião. E não só ele, muitos políticos paranaenses tiveram a oportunidade de aprender e crescer muito, observando e percebendo o que Requião tinha pra ensinar, mesmo que muitas vezes discordando, mas sempre com muito respeito, que é o mesmo que temos por você aqui também”.

A deputada Cristina Silvestri (PSDB), por sua vez, parabenizou o ex-governador e relembrou a generosidade e a atitude do Requião, em não só aprovar um projeto de lei de autoria do então deputado estadual de oposição Cesar Silvestri, em 1992, para preservar os mananciais da Serra da Esperança, como também promoveu um grande evento ao sancionar a lei na região de Guarapuava. “Nós temos muito orgulho disso até hoje, muita gratidão”, afirmou.

A deputada Mabel Canto (PSDB) parabenizou Requião em nome de sua família e destacou a grande admiração que todos têm pelo político que ele representa para o Paraná. “Foi um dos melhores governadores para a região de Ponta Grossa. Se hoje temos lá um Hospital Regional muito importante, que salva vidas todos os dias, é graças ao seu pai que, na época junto com o meu, inaugurou aquela obra que leva o nome do seu avô, numa merecida homenagem. Acho que Ponta Grossa nunca reconheceu esse trabalho, mas nós reconhecemos. Fica aqui o meu abraço a ele nesse dia tão especial”.

A deputada Luciana Rafagnin (PT) também destacou a admiração pelo pai do deputado Requião Filho, a quem chamou de grande estadista. “Leve a ele nosso abraço. Você realmente deve ter muito orgulho dele! Ele fez muito pelo nosso estado do Paraná, deixou um grande legado, em especial destaco sua preocupação com a agricultura familiar. Criou a irrigação noturna, a tarifa social, o trator solidário, sempre pensando ao mesmo tempo no campo e na cidade, nos menos favorecidos. Pensou na saúde, criou o Hospital Regional do Sudoeste que, até, hoje funciona muito bem, faz a diferença na nossa região e nos dá muito orgulho”

O deputado Evandro Araújo (PSB) parabenizou Requião Filho pelo pronunciamento e homenagem que fez ao seu pai. “Eu não tive o prazer de conviver com ele, mas vi chegar as políticas públicas que ele criou nas bases, nos municípios, então isso fez toda a diferença no nosso Estado e temos que respeitar. Apesar das divergências, temos que reconhecer o legado importante deixado por ele ao Paraná e até a deferência que a presidência desta Casa faz nesse momento, vale mais que um título esse reconhecimento que estamos vivendo aqui. Parabéns”.

Para o deputado Doutor Antenor (PT), Requião está entre os grandes nomes da política nacional. “Ele tem uma biografia fantástica. São poucas figuras hoje, emblemáticas, que estão nesse patamar, ao lado de nomes históricos como Miguel Arraes, Leonel Brizola e Lula, está Roberto Requião. Não há nenhum militante esclarecido que não reconheça a importância dele para o nosso povo do Paraná, a visão globalizada de política que ele tem e que traduzem o amor pela figura humana que ele sempre construiu”.

Reconhecimento que também foi destacado pelo deputado Do Carmo (União Brasil), em que lembrou uma oportunidade de um tempo quando integrava a Polícia Militar, debaixo de um sol forte, o então governador pediu para que acelerassem os discursos, num evento da Operação Verão no litoral, para que não prolongasse o sofrimento dos policiais que usavam aquela farda quente e sofriam com o calor. “Isso traduz o que é o ser humano, que sente a dor do outro, e representa a história do Roberto Requião”.

Na saudação do deputado Marcel Micheletto (PL), o papel do político enquanto chefe de família presente é algo que deve ser exaltado e não tem preço. “Nós, muita vezes, deixamos de acompanhar os filhos em fases importantes do crescimento, por conta da política, e você nos traz aqui o relato de quanto o seu pai foi presente na sua vida, está agora no convívio com os netos, e isso pra mim tem um grande valor. Isso você tem que ter orgulho mesmo, de dizer a todos o que é o Requião que muitos não sabem”. 

Para o deputado Paulo Gomes (PP), a lembrança que vem à mente, na juventude, da primeira participação numa campanha política, militando em favor de Requião. “Foi lá em 1985, na campanha dele à prefeito, eu estudava numa escola estadual em que os alunos estavam divididos em dois grupos - os requianistas e os lernistas. Uma disputa acirrada que terminou com a vitória de Requião. Muitos anos de vida ao seu pai e parabéns por sua caminhada política”.

A deputada Maria Victoria (Progressistas) também dedicou algumas palavras para homenagear Requião. ”Homem íntegro, com inúmeros mandatos, responsável por uma prestação de serviços importante para a população paranaense. Deixo aqui ainda registrado o carinho que minha mãe tem por ele, já fizeram campanha juntos no passado e o considera um grande amigo”.

O deputado Douglas Fabrício (Cidadania) lembrou campanhas anteriores em que seu partido apoiou a candidatura de Requião. “Entregamos à ele, na época, um pedido para apoiar as micro e pequenas empresas e ele assumiu esse compromisso. Quando se elegeu, ele cumpriu o prometido e valorizou muito os micro e pequenos empresários paranaenses. Parabéns ao Requião e a você por esta homenagem que faz hoje ao seu pai”.

Para o deputado Renato Freitas (PT), a política mais efetiva que já existiu na história do Estado do Paraná, em relação ao direito fundamental de moradia, foi durante o Governo Requião. Segundo ele, até hoje, comunidades inteiras são gratas ao que o Requião transformou em suas vidas. “Nos sonhos daquelas pessoas há a marca e as digitais do seu pai, por isso fica aqui a minha homenagem”. 

Para o deputado Reichembach (PSD), são muitas as histórias pitorescas que os prefeitos do interior do Paraná viveram ao lado de Requião. “Quando assumi a prefeitura em 2009, um dia com o Caíto Quintana, levamos um pacote de projetos ao Requião e ele tão logo destinou cada um à sua respectiva secretaria”. Completou ainda de uma oportunidade, num palanque do interior, em que Requião também acelerou os discursos devido ao calor a que estava exposta a população. “Ele tinha essa percepção, essa sensibilidade de se colocar no lugar do outro, uma vez em que as pessoas estavam ali desconfortáveis, como bem lembrou também o deputado Do Carmo em outra oportunidade, devido ao sol forte e à situação”. 

O pai do deputado Goura (PDT) também teve a oportunidade de trabalhar ao lado do Requião na prefeitura de Curitiba e foi o autor do balanço final do mandato. O deputado pedetista contou no plenário da Assembleia que o documento se chamava “Curitiba, bela e justa”, e englobava todas as lutas do então prefeito pelo transporte coletivo, os projetos sociais de moradia e uma visão importante que inspirou os futuros prefeitos. “Muitas das políticas públicas consolidadas pela prefeitura nas décadas seguintes, surgiram muito em função daquele trabalho social feito lá atrás. E há de se reconhecer isso”.

O deputado Luís Corti (PSB) trouxe ao plenário histórias de eleições passadas apoiadas por Requião, no MDB, pelo interior do Paraná. “Ele andava de camisa branca e depois quando virou governador só usava aquela camisa azul, de um tecido especial”, destacou saudando a história e o legado político de Requião.

Para a deputada Márcia Huçulak (PSD), Requião é ícone e grande defensor das políticas públicas nas mãos do Estado, em várias áreas. “Ele fez muito pela Saúde, Educação, Habitação, Meio Ambiente, Agricultura e é um defensor incansável da atuação forte do Estado em prol da população. Tem grande contribuição ao Paraná”. 

Ao final, o presidente da Assembleia Ademar Traiano (PSD) destacou a fala do deputado Marcel Micheleto sobre a presença do pai, enquanto homem público, no dia a dia de suas famílias. “Imagino sua emoção ao falar do pai, é algo que cada um carrega dentro de si como maior patrimônio. Eu sei o que é um filho ligando para o pai, sentindo sua ausência e você precisa tocar a vida como ninguém. Durante todos os mandatos do seu pai, sempre fui oposição, mas não inimigo. Sempre o respeitei e, como homem público, respeito sua história. Tem conhecimento, tem bagagem, construiu isso com muita galhardia e temos que reconhecer, foi três vezes governador. Quero manifestar nosso respeito ao seu pai e parabenizá-lo pelo seu aniversário. Como pai, que criei sozinho, sei o que representa na sua fala no dia de hoje”

Já o deputado e líder do governo Hussein Bakri (PSD) também lembrou o valor da figura do pai para a família e fez um breve relato de sua trajetória política. “Fui vereador incentivado pelo meu pai. Mas meu grande sonho era mostrar para o meu pai que eu podia ser prefeito. Perdi uma, duas eleições… até que deu certo. Mas eu não vi minhas filhas crescerem. Isso não é demagogia! A gente chega em casa sábado a tarde, e volta pra Curitiba no domingo, porque escolhemos essa vida e muitas pessoas nem sabem. Mas os anos avançam, já tenho netos de 18 anos e a vida está passando. E é importante que, nessa vida que está avançando, a gente faça o devido reconhecimento. Quando o Requião fez a primeira campanha para o governo em 1990, lembro que numa visita ao comércio, ele teve a ideia de isenção de impostos que, até hoje, está em vigor. Então há muito o que parabenizá-lo, imagino o quanto Vossa Excelência está emocionado, então transmita a ele nosso abraço e reconhecimento por tudo o que ele fez pelo Paraná”.

Cambará, PR
14°
Parcialmente nublado

Mín. 12° Máx. 28°

13° Sensação
1.51km/h Vento
55% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h57 Nascer do sol
05h55 Pôr do sol
Sex 29° 14°
Sáb 29° 16°
Dom 32° 16°
Seg 30° 17°
Ter 17° 12°
Atualizado às 02h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,66 -0,03%
Euro
R$ 6,13 -0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,10%
Bitcoin
R$ 385,162,46 -2,34%
Ibovespa
126,422,73 pts -0.13%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Anúncio