Segunda, 26 de Julho de 2021
43999564777
Política Nova concessão

Com nova concessão do pedágio credenciais perdem validade

As tradicionais credenciais que dão isenção de cobrança do pedágio instalado na divisa entre São Paulo e Paraná perderão a validade.

23/06/2021 18h38
457
Por: Jomar Medeiros Fonte: TRIBUNA DO VALE
Audiência pública foi realizada no auditório da Câmara de Vereadores de Jacarezinho CRÉDITO: MARCOS JUNIOR
Audiência pública foi realizada no auditório da Câmara de Vereadores de Jacarezinho CRÉDITO: MARCOS JUNIOR

 

Esta informação foi repassada durante a audiência pública realizada por lideranças do município de Jacarezinho na manhã de ontem, 22.

A concessão das credenciais foi obtida através de liminar da Justiça Federal em razão da legalidade da Praça de Pedágio estar sendo questionada na Justiça. Com a nova concessão, o trecho será legalizado e os documentos perderão a validade.

A população pode acompanhar o debate pelo canal oficial do facebook da Câmara Municipal e a elaboração do documento será entregue para a Frente Parlamentar Estadual do Pedágio para incorporar na ação que acontece no Paraná.

Desde o início do mês um grupo representando segmentos vem debatendo o tema, entre os quais, os vereadores Nilton Stein, Dorival de Souza, o Val, e Luiz Sérgio Marques de Moraes, o Serginho Marques; representando a Acija, Walmir de Araújo; o secretário Municipal de Planejamento, José Antônio Costa; a Associação dos Moradores do Bairro Aeroporto, Léo Eleodoro da Fonseca; e, a Sociedade Civil Iraci Baggio.

Atualmente o município conta com uma das tarifas mais caras do Estado. O trecho sempre foi alvo de duras críticas e manifestações. No mês de novembro o atual modelo será encerrado para uma nova licitação realizada pelo Governo Federal.

 O vereador Nilton Stein, que é uma das lideranças à frente deste movimento

municipal, explicou que a iniciativa é somar forças. “Queremos apresentar dados municipais de como foi impactado os últimos anos nossa cidade. Além disto, com este novo modelo que está sendo apresentado também iremos apontar a situação que poderá atingir nossa cidade”, argumenta.

O vereador Serginho Marques também ressaltou seu ponto de vista. “É necessário que seja visto pelo menor preço e que as obras possam ser realizadas. Este modelo de outorga não leva nenhum benefício para a população”.

Para o vereador Dorival de Souza é importante mais este debate com a comunidade jacarezinhense sobre a situação que afeta o município de Jacarezinho por muitos anos. “Estamos pagando um preço alto por estradas não duplicadas”, ressalta. O vereador durante a audiência salientou a necessidades das obras. “Precisamos de melhorias como trevo no Aeroporto, Monjolinho, Vila Rural e além da duplicação também as marginais”, acrescenta.

 Mais forças

Outro vereador que também destacou apoiar a iniciativa é José Roberto Souza de Assis, o Betão da Curva. Ele lembrou que esteve na Audiência Pública realizada em âmbito estadual em Cornélio Procópio. “Temos que mostrar a realidade sobre como afeta este pedágio em nossa população”, lembra.

Também estiveram a Acija Walmir de Araújo, o Secretário Municipal de Planejamento e Presidente do PDT, José Antônio Costa, a Associação dos Moradores do Bairro Aeroporto Léo Eleodoro da Fonseca e a Sociedade Civil Iraci Baggio, a vice-prefeita Patrícia Martoni, o Presidente OAB Dirceu Rosa, a Associação dos Horticultores de Jacarezinho, APP Sindicato, Policia Militar, e a ex-prefeita e representando o deputado Arilson Chiorato, Tina Toneti, e o vereador Antônio Neves Neto.