Domingo, 24 de Outubro de 2021
43999564777
Saúde Odontologia News

Vendeu?

.

06/09/2019 11h50 Atualizada há 2 anos
415
Por: Geovani Sencio
Vendeu?

Hoje de manhã, quando abri meu Facebook, num grupo de dentistas que discute casos e técnicas de implantodontia, vi que o assunto era um pouco diferente. A discussão era sobre os termos usados por alguns dentistas atuais do tipo: “Hoje consegui VENDER 2500,00 para tal paciente”. Ou seja, a palavra VENDER soa como proibitiva dentro de um serviço de saúde.

O profissional de saúde tem no seu serviço, toda fonte de renda para o seu sustento, para o sustento de sua família, para encargos com pessoal auxiliar, manutenção e aluguel da clínica, pagamento de impostos e taxas, seguros e tudo mais que a ele compete; além disso, no caso específico da odontologia, temos ainda que arcar com o custo do material. Por exemplo, se você faz um orçamento em um construtor, ele cobra o preço do serviço e é você quem paga o material. Na odontologia temos de embutir o custo do material dentro do orçamento global, o que muitas vezes faz parecer que o ganho é muito grande. Só a título de exemplo, certo material de enxerto ósseo, chega a custar perto de R$ 1000,00 o grama do material, ou seja, o custo da cirurgia não se traduz em lucros.

Mas voltando ao tema inicial, eu particularmente não vejo mal algum em usar o termo “vender", desde que se fique claro que o objeto a ser VENDIDO é a SAÚDE, estrita, necessária ou desejada. Mesmo o mais puro tratamento estético pode se traduzir em saúde quando levamos em conta o bem estar psico-social-físico do paciente. Assim é justo que o Cirurgião-dentista possa ter seus custos cobertos e a honesta margem de lucro. Um tratamento realizado e não pago (seja por caridade do dentista ou por calote do paciente) além de não proporcionar ganho ao dentista, também lhe traz ENORME PREJUÍZO, uma vez que será ele que terá que arcar com todo material além das despesas colocadas acima.

Ainda ao meu ver, o pior aspecto da COMERCIALIZAÇÃO DA SAÚDE, é  quando se tem a imposição de METAS. Isso acontece principalmente em franquias e terceirizados, onde muitas vezes, doenças são inventadas ou tratamentos empurrados a qualquer custo, tudo em nome do cumprimento da meta. Isso supera a anti-ética e não consigo dar-lhe outro nome senão  DESONESTIDADE.

Leandro Filtre Bonacin
Sobre Leandro Filtre Bonacin
Odontologia News
Cambará - PR
Atualizado às 05h59 - Fonte: Climatempo
18°
Pancada de chuva

Mín. 18° Máx. 24°

18° Sensação
22.7 km/h Vento
87.4% Umidade do ar
20% (2mm) Chance de chuva
Amanhã (25/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 26°

Sol com muitas nuvens
Terça (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 29°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Mais lidas
Anúncio